Reflexão:

O Evangelho de hoje, 01.01.22 é de Lucas 2,16-21 e nos fala do encontro dos pastores com Maria, José e o recém-nascido deitado na manjedoura e nos ajuda a contemplar, agradecidos, a maternidade da Mãe de Deus; a discreta presença de José e sua importante missão de custodiar o grande mistério do Filho de Deus, a nos lembrar de um encontro que nós, casais, sacerdotes, religiosas/os, também tivemos e que envolveu um novo olhar com os próprios olhos a nossa relação de amor, e, em certa maneira, um “tocar” os nossos corações e mentes, capaz de gerar um novo estilo de vida, a nos empurrar para sermos um sinal visível da presença de Deus em nós.

Casais, Sacerdotes e Religiosas (OS): E nós, como casal, como sacerdote, religioso/a, temos suscitado a graça do nosso encontro conosco mesmo e com Deus no nosso FDS? Temos glorificado e louvado a Deus por todos os valores que escutamos ao longo do FDS? Temos, como Maria, conservado todas aqueles compartilhares em nossos corações e mais do que isto, temos vivenciado em nossa relação, os valores ali vivenciados? CMFSMR?

Gratidão a Folha e Lúcia, casal espiritualidade da Diocese de Manaus.

ASN PÓS ENCONTRO – BRASIL